23.4 C
Franca
fevereiro 23, 2024
Agricultura

Projeto cria roteiro turístico dos cafés da Alta Mogiana, entre São Paulo e Minas Gerais.

O Projeto de Lei 53/23 cria o roteiro turístico dos cafés da Alta Mogiana, passando pelos estados de São Paulo e Minas Gerais. A criação do roteiro tem como objetivo fortalecer a identidade, favorecer parcerias, aumentar a qualidade e o volume de negócios na região. O texto tramita na Câmara dos Deputados.

A Alta Mogiana produz de 2 a 3 milhões de sacas de café ao ano e envolve mais de 5 mil produtores. A região já tem a certificação que a reconhece como produtora de cafés especiais.

“A criação de um roteiro turístico dos cafés da Alta Mogiana favorecerá o resgate cultural e histórico da cultura da cafeicultura região, a divulgação do produto e a própria identidade regional”, afirma o autor, deputado Marangoni (União-SP).

Segundo o projeto, o roteiro envolverá atividades de turismo rural com ênfase na cafeicultura. Farão parte da rota, em São Paulo, os municípios de Altinópolis, Batatais, Buritizal, Cajurú, Cristais Paulista, Franca, Itirapuã, Jeriquara, Nuporanga, Patrocínio Paulista, Pedregulho, Restinga, Ribeirão Corrente, Santo Antônio da Alegria e São José da Bela Vista.

Em Minas Gerais, o roteiro abrange os municípios de Claraval, Capetinga, Cassia, Ibiraci, Itamogi, Sacramento, São Sebastião do Paraíso e São Tomás de Aquino, congregando atividades de turismo rural com ênfase na cafeicultura.

Tramitação
A proposta ainda será despachadas para análise das comissões permanentes da Câmara.

Fonte: Agência Câmara de Notícias

Related posts

Contratações do Crédito Rural Superam o programado.

Fabrício Guimarães

Em meio à pandemia, produtor de leite agrega valor à atividade, abre novos canais de comercialização e alavanca empreendimento rural em Bauru

Fabrício Guimarães

HORTIFRUTI/CEPEA: Produção de abacate é uma das que mais cresce no Brasil e no mundo!

Fabrício Guimarães

Deixe um comentário

Usamos cookies para melhorar sua experiência no site. Aceitar Leia Mais