24.7 C
Franca
junho 16, 2024
Agricultura

Preço da saca do arroz atinge recorde e pode continuar subindo

O preço do arroz atingiu um recorde, chegando a R$ 105,36 por saca de 50 kg no Rio Grande do Sul, o valor mais alto desde julho de 2005.

preço do arroz atingiu um recorde, chegando a R$ 105,36 por saca de 50 kg no Rio Grande do Sul, o valor mais alto desde julho de 2005, início da série histórica do Cepea (Centro de Pesquisa Econômica Aplicada), da Esalq/USP.

Segundo pesquisadores do Cepea, o suporte aos preços vem da menor disponibilidade do produto, devido à redução da oferta em 2023, à manutenção do consumo interno e ao bom ritmo das exportações.

Compradores estão agindo mais, comprando estoques maiores devido ao receio de preços mais altos durante a entressafra.

Produtores, por sua vez, seguem firmes em suas posições, com preocupações com as condições climáticas instáveis no Sul, que impactam o cultivo da nova safra.

O recorde alcançado nesta terça-feira pode ser um indicativo de que os preços do arroz devem continuar subindo nos próximos meses.

A menor disponibilidade do produto, aliada à manutenção da demanda, deve continuar pressionando as cotações.

É importante ressaltar, no entanto, que o cenário é volátil e que as condições climáticas podem impactar a oferta e a demanda do produto.

Related posts

Cocapec dá dicas para iniciar o plantio do café com o pé direito

Fabrício Guimarães

Ataque mais severo de lagartas facilita entrada de Phoma em folhas de cafeeiros

Fabrício Guimarães

Exportações do agro ultrapassam US$ 100 bilhões pela segunda vez na história

Fabrício Guimarães

Deixe um comentário

Usamos cookies para melhorar sua experiência no site. Aceitar Leia Mais