17.9 C
Franca
maio 22, 2024
AgriculturaAgroindustriaGestão Rural

Informe Revista Agromogiana: Altas externas e do dólar elevam preços do café robusta

Volume de café na mão de produtores rondonienses corresponde de 30 a 20% do total produzido

De acordo com pesquisas do Cepea, os valores domésticos do café robusta têm registrado certa recuperação, influenciados pelas elevações nos preços futuros da variedade e do dólar e também pelo aquecimento na demanda. Nessa terça-feira, 3, o Indicador CEPEA/ESALQ do tipo 6 peneira 13 acima fechou a R$ 281,21/saca de 60 kg, avanço de 0,5% em relação à terça anterior, 27 de agosto.

Apesar da maior liquidez, agentes apontam que o volume de café da safra 2019/20 nas mãos de produtores ainda é significativo. Até a última semana de agosto, esse montante correspondia de 55 a 45% do total produzido no Espírito Santo, segundo agentes consultados pelo Cepea. Já em Rondônia, essa quantidade é inferior, uma vez que a maior parte produzida na safra 2019/20 foi negociada anteriormente e entregue nos últimos meses.

Segundo agentes, o volume de café na mão de produtores rondonienses corresponde de 30 a 20% do total produzido. Para o arábica, os preços domésticos levantados pelo Cepea também avançaram nos últimos dias, sustentados especialmente pelos fortes avanços do dólar e dos futuros da variedade. Nessa terça-feira, o Indicador CEPEA/ESALQ do café arábica tipo 6 bebida dura para melhor fechou a R$ 420,55/saca de 60 kg, leve alta de 0,3% em relação à terça anterior, (27).

Related posts

Brasil quer exportar tecnologia do etanol e ampliar mercado do combustível no mundo

Fabrício Guimarães

Proprietários rurais que quiserem acessar o Programa de Regularização Ambiental devem fazer o CAR até dia 31/12

Fabrício Guimarães

Bayer e Case IH anunciam parceria inédita para desenvolvimento de tecnologia de soja

Fabrício Guimarães

Deixe um comentário

Usamos cookies para melhorar sua experiência no site. Aceitar Leia Mais