17.9 C
Franca
maio 22, 2024
NotíciasPecuária

CNA participa da reunião da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva da Carne Bovina

A Câmara Setorial da Cadeia Produtiva da Carne Bovina do Ministério da Agricultura apresentou na terça (30) a nova forma de atuação para garantir mais agilidade às ações do colegiado.

Na avaliação do presidente da Comissão Nacional de Bovinocultura de Corte da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Antônio Pitangui de Salvo, as mudanças vão conferir mais efetividade aos pleitos do setor produtivo.

“Nós estamos em um novo momento, em que o setor público está muito mais sensível aos desafios que afetam o setor produtivo. Temos certeza de que esse governo, por meio da ministra Tereza Cristina, vai fazer com que as demandas avancem de maneira mais eficiente”, destacou.

No encontro, foi proposta a criação de dois grupos de trabalho para discutir o Plano Nacional Pecuário e o bem-estar animal. A CNA foi indicada para participar de ambos os grupos.

Durante a reunião também foram apresentadas as primeiras avaliações da nova vacina contra a febre aftosa. Em 2018, a Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) declarou o Brasil como país livre da doença com vacinação.

Na campanha de vacinação no mês de maio foram solicitadas 234 milhões de doses da vacina para os estados, suficientes para vacinar todo o rebanho nacional. Também foram debatidas a necessidade da criação de um banco de antígenos no Brasil e a proposta de retirada de alguns componentes de inspeção devido à ausência de circulação viral da doença há mais de 12 anos.

Fonte: CNA

Related posts

Produtor poderá vender etanol diretamente a postos de combustiveis, define o CNPE

Indicadores animam produtores de genética para a primavera

Fabrício Guimarães

VACINAÇÃO CONTRA AFTOSA E BRUCELOSE NO ESTADO DE SÃO PAULO MANTÉM ALTOS ÍNDICES DE IMUNIZAÇÃO

Fabrício Guimarães

Deixe um comentário

Usamos cookies para melhorar sua experiência no site. Aceitar Leia Mais